Clique aqui para fechar esta janela                                                                            Voltar a página anterior

ESTUDO DA FÍSICA

 

O SEU SITE DE ESTUDO NA NET

  SIMULADO ON-LINE  
APLICAÇÕES DAS 
LEIS DE NEWTON (PARTE II) 
 
BOA SORTE

 

1. (UEL-PR) No piso de um elevador é colocada uma balança de banheiro, graduada em newtons. Um corpo é  colocado sobre a balança.  Quando o elevador sobe com aceleração constante de 2,2 m/s2, a balança indica 720 N. Sendo a aceleração local da gravidade igual a 9,8 m/s2, a massa do corpo, em quilogramas, vale:
a) 72
b) 68 
c) 60 
d) 58 
e) 54 
 
 
2. (UFGO) Um bloco de massa 80 kg encontra-se dentro de um elevador acelerado verticalmente para cima, com uma aceleração de 2 m/s2. Considerando g = 10 m/s2, podemos afirmar que a força exercida pelo piso do elevador contra o bloco é igual a:
a) 160 N  
b) 640 N
c) 800 N
d) 960 N  
e) 120 N
 
 
3. (ACAFE-SC) Uma pessoa está sobre uma balança de molas dentro de um elevador que desce com velocidade constante. A leitura indicada pela balança seria _____________ a leitura indicada por ela se o elevador estivesse ____________________
Complete as lacunas com a alternativa verdadeira.
a) igual – em repouso. 
b) menor que – em repouso.
c) igual – subindo com aceleração para cima.                                              
d) maior que – descendo com aceleração para baixo.
e) maior que – subindo com aceleração para baixo.
 
 
4. (UNEB-BA) Um elevador sobe com aceleração constante de 1,5m/s2. Uma pessoa de massa de 60 kg no interior do elevador fica sujeita a uma força resultante, de intensidade, em newtons, igual a:
a) 40.
b) 90.  
c) 400.   
d) 600. 
e) 900.
 
 
5. (UNEB-BA) Uma “balança” mede o peso de um homem, de 70 kg de massa, no interior de um elevador, cuja velocidade diminui 4 m/s a cada 2 s. Considerando que o elevador está subindo e a aceleração da gravidade é igual a 10m/s2,  o peso, em newtons, medido pela “balança” é:
a) 560.
b) 630.  
c) 700.
d) 770. 
e) 840.
 
 
6. (UFRS) Uma pessoa, cuja massa é de 50 kg, está em pé sobre uma balança, dentro de um elevador parado. Ela verifica que a balança registra 490 N para o seu peso. Quando o elevador estiver subindo com aceleração de 2 m/s2, a leitura que a pessoa fará na balança será em N:
a) zero 
b) 390.  
c) 490.  
d) 590. 
e) 980.
 
 
7. (UEBA) O elevador da figura ao lado tem massa 1 000 kg e a força de tração indicada tem intensidade 10 000 N. Sendo a aceleração da gravidade local  g = 10 m/s2, podemos afirmar que o elevador:  
a) está obrigatoriamente em repouso.   
b) pode está em movimento. 
c) está em movimento acelerado.  
d) está em movimento retardado. 
e) tem velocidade escalar variável.

 

 
8. (PUC-MG) Uma pessoa esta dentro de um elevador em repouso, sobre uma balança que acusa uma leitura igual a P. Se o elevador subir com a aceleração igual a duas vezes a aceleração da gravidade, a nova leitura será:
a) P  
b) 2 P
c) 3 P 
d) 4 P 
e) 5 P
 
 
9. (U.Caixas do Sul-RS) Pedro, que pesa 600 N, sobe num elevador para ir do 1o  ao 6o  andar. Ao se aproximar do 6o  andar, o elevador diminui uniformemente sua velocidade de 8,0 m/s a 2,0 m/s em 3,0 s. O valor da força média exercida pelo piso do elevador sobre Pedro no intervalo de tempo indicado é: (Considere g = 10 m/s2.)
a) 120 N  
b) 480 N
c) 600 N
d) 720 N  
e) 1.200 N
 
 
10. (Mack-SP) Um elevador começa a subir, a partir do andar térreo, com aceleração de modulo 5,0 m/s2. O peso aparente de um homem de 60 kg no interior do elevador, supondo g = 10 m/s2, é igual a:
a) 60 N
b) 200 N  
c) 300 N   
d) 600 N 
e) 900 N
 
 
11. (Puccamp-SP) No piso de um elevador é colocada uma balança graduada em newtons. Um menino de massa 40 kg, sobe na balança quando o elevador está descendo acelerado,  com aceleração de modulo 3,0 m/s2. Se a aceleração da gravidade vale    9,8 m/s2. a balança estará indicando, em N, um valor mais próximo de:  
a) 120 N     
b) 200 N   
c) 270 N 
d) 400 N  
e) 520 N
 
 
12. (Osec-SP) Um elevador e sua carga têm massa de 1 000 kg. Quando desce com velocidade de 4,0 m/s e e freado com aceleração constante, ele para após 2,0 s. Quando desce em movimento retardado, a força de tração no cabo do elevador, em newtons, vale:  (adote  g = 10 ms2)
a) 8 000 N
b) 10 000 N 
c) 12 000 N  
d) 14 000 N 
e) 16 000 N
 
 
13. (Unisinos-RS) Ao se subir de elevador num edifício, nota-se, na arrancada, que as pernas suportam um “peso” maior. Suponha um menino de 40 kg de massa, parado sobre uma balança graduada em newtons, dentro do elevador. O peso que a balança registrará, se o elevador subir com aceleração de 2,0 m/s2, considerando g = 10 m/s2, será:     
a) 480 N  
b) 400 N 
c) 320 N   
d) 240 N  
e) 80 N 
 
 
14. Um homem está num elevador que sobe acelerado, a força normal aplicada pelo elevador, no homem é:
a) maior que o peso do homem.  
b) menor que a metade do peso do homem.  
c) igual ao peso do homem. 
d) igual à metade do peso do homem. 
e) N.R.A. 

 
15. (UFMG) Uma pessoa entra no elevador e aperta o botão para subir. Sejam P o módulo do peso da pessoa e N, o módulo da força que o elevador faz sobre ela.
Pode-se afirmar que, quando o elevador começa a subir:
a) aumenta e N não se modifica. 
b) P não se modifica e N aumenta. 
c) P e N aumentam. 
d) P e N não se modificam. 
e) P e N diminuem.
 
 
16. (FEI-SP) Pesa-se um corpo com um dinamômetro preso ao forro de um elevador. Com o elevador em repouso ou em movimento, as leituras do dinamômetro são, respectivamente, P(r) e P(m). Podemos afirmar que:
a) P(m) > P(r), se o elevador subir em movimento retardado.
b) P(m) > P(r), se o elevador descer em movimento retardado.
c) P(m) > P(r), se o elevador subir em movimento uniforme. 
d) P(m) > P(r), se o elevador descer em movimento uniforme.
e) P(m) = P(r), qualquer que seja o movimento do elevador.
 
 
17. (FUEL-PR) Um corpo de massa m encontra-se suspenso a um dinamômetro preso ao teto de um elevador, num local onde a aceleração da gravidade vale g. Quando o elevador sobe com movimento uniformemente retardado, com aceleração de módulo a, o dinamômetro indica:
a) m g.
b) m a. 
c) m . (g - a). 
d) m . (g + a). 
e) m a - g.  
 
 
18. (UFPE) A lotação máxima (ou capacidade indicada) nos elevadores é baseada na carga máxima suportada pelos cabos que os transportam. Essa carga máxima deve ser estimada no momento em que o elevador está:
a) em repouso. 
b) subindo com velocidade constante. 
c) partindo do repouso em movimento ascendente. 
d) descendo com velocidade constante. 
e) descendo com aceleração constante. 
 
 
19. (UFMG) Uma pessoa entra num elevador carregando uma caixa pendurada por um barbante frágil. O elevador sai do sexto andar e só pará no térreo. É correto afirmar que o barbante poderá arrebentar: 
a) no momento em que o elevador entrar em movimento, no sexto andar. 
b) no momento em que o elevador parar no térreo. 
c) quando o elevador estiver em movimento, entre o quinto e o segundo andar. 
d) somente numa situação em que o elevador estiver subindo. 
e) N.R.A
 
 
20. (MACK-SP) Admita que a sua massa seja 60 kg e você esteja sobre uma balança, dentro da cabina de um elevador. Sendo  g = 10m/s2 e a balança calibrada em newtons, a indicação por ela fornecida, quando a cabina desce acelerada com aceleração constante de 3 m/s2, é:
a) 180 N
b) 240 N 
c) 300 N 
d) 420 N
e) 780 N 
 
 

RESULTADOS

Sua nota será:
Você acertou as questões:
Você errou as questões:

VERIFICAR GABARITO