Clique aqui para fechar esta janela                                                                            Voltar a página anterior

ESTUDO DA FÍSICA
O SEU SITE DE ESTUDO NA NET
  SIMULADO ON-LINE  
ENEM 98 ( III Parte ) 
BOA SORTE
43. Depois de estudar as migrações, no Brasil, você lê o seguinte texto: 
 
O Brasil, por suas características de crescimento econômico, e apesar da crise e do retrocesso das últimas décadas, é classificado como um país moderno. Tal conceito pode ser, na verdade, questionado se levarmos em conta os indicadores sociais: o grande número de desempregados, o índice de analfabetismo, o déficit de moradia, o sucateamento da saúde, enfim, a avalanche de brasileiros envolvidos e tragados num processo de repetidas migrações(...)
 
(adap.Valin,1996, pág.50 Migrações: da perda de terra à exclusão social.SP. Atuali, 1996).
 
Analisando os indicadores citados no texto, você pode afirmar que:
a) o grande número de desempregados no Brasil está exclusivamente ligado ao grande aumento da população. 
b) existe uma "exclusão social" que é resultado da grande concorrência existente entre a mão-de-obra qualificada. 
c) o déficit da moradia está intimamente ligado à falta de espaços nas cidades grandes. 
d) os trabalhadores brasileiros não qualificados engrossam as fileiras dos "excluídos". 
e) por conta do crescimento econômico do país, os trabalhadores pertencem à categoria de mão-de-obra qualificada. 
 
 
44. Um dos fenômenos mais discutidos e polêmicos da atualidade é a “Globalização”, a qual impacta de forma negativa:
a) na mão-de-obra desqualificada, desacelerando o fluxo migratório.
b) nos países subdesenvolvidos, aumentando o crescimento populacional.
c) no desenvolvimento econômico dos países industrializados desenvolvidos.
d) nos países subdesenvolvidos, provocando o fenômeno da “exclusão social”.
e) na mão-de-obra qualificada, proporcionando o crescimento de ofertas de emprego e fazendo os salários caírem vertiginosamente.
 
 
45. Você está fazendo uma pesquisa sobre a globalização e lê a seguinte passagem, em um livro:

A SOCIEDADE GLOBAL

                As pessoas se alimentam, se vestem, moram, se comunicam, se divertem, por meio de bens e serviços mundiais, utilizando mercadorias produzidas pelo capitalismo mundial, globalizado.
                Suponhamos que você vá com seus amigos comer Big Mac e tomar Coca-Cola no Mc Donald’s. Em seguida, assiste a um filme de Steven Spielberg e volta para casa num ônibus de marca Mercedes.
                 Ao chegar em casa, liga seu aparelho de TV Philips para ver o videoclip de Michael Jackson e, em seguida, deve ouvir um CD do grupo Simply Red, gravado pela BMG Ariola Discos em seu equipamento AIWA.
                 Veja quantas empresas transnacionais estiveram presentes nesse seu curto programa de algumas horas.

Adap. Praxedes et alli, 1997. O MERCOSUL. SP, Ed. Ática, 1997.
 
Com base no texto e em seus conhecimentos de Geografia e História, marque a resposta correta.
a)O capitalismo globalizado está eliminando as particularidades culturais dos povos da terra.
b)A cultura, transmitida por empresas transnacionais, tornou-se um fenômeno criador das novas nações.
c)A globalização do capitalismo neutralizou o surgimento de movimentos nacionalistas de forte cunho cultural e divisionista.
d)O capitalismo globalizado atinge apenas a Europa e a América do Norte.
e)Empresas transnacionais pertencem a países de uma mesma cultura.
 
 
46. A leitura do texto ajuda você a compreender que:
I. a globalização é um processo ideal para garantir o acesso a bens e serviços para toda a população.
II. a globalização é um fenômeno econômico e, ao mesmo tempo, cultural.
III. a globalização favorece a manutenção da diversidade de costumes.
IV. filmes, programas de TV e música são mercadorias como quaisquer outras.
V. as sedes das empresas transnacionais mencionadas são os EUA, Europa Ocidental e Japão.
Destas afirmativas estão corretas:
a) I, II e IV, apenas
b) II,IV e V, apenas. 
c) II, III e IV, apenas
d) I, III e IV, apenas.
e) III, IV e V, apenas.
 
 
47. Seguem abaixo alguns trechos de uma matéria da revista "Superinteressante", que descreve hábitos de um morador de Barcelona (Espanha), relacionando-os com o consumo de energia e efeitos sobre o ambiente.
 
I. "Apenas no banho matinal, por exemplo, um cidadão utiliza cerca de 50 litros de água, que depois terá que ser tratada. Além disso, a água é aquecida consumindo 1,5 quilowatt-hora (cerca de 1,3 milhões de calorias), e para gerar essa energia foi preciso perturbar o ambiente de alguma maneira...."
II. "Na hora de ir para o trabalho, o percurso médio dos moradores de Barcelona mostra que o carro libera 90 gramas do venenoso monóxido de carbono e 25 gramas de óxidos de nitrogênio ... Ao mesmo tempo, o carro consome combustível equivalente a 8,9 kwh."
III. "Na hora de recolher o lixo doméstico... quase 1 kg por dia. Em cada quilo há aproximadamente 240 gramas de papel, papelão e embalagens; 80 gramas de plástico; 55 gramas de metal; 40 gramas de material biodegradável e 80 gramas de vidro."
 
No trecho I, a matéria faz referência ao tratamento necessário à água resultante de um banho. As afirmações abaixo dizem respeito a tratamentos e destinos dessa água. Entre elas, a mais plausível é a de que a água:
a)passa por peneiração, cloração, floculação, filtração e pós-cloração, e é canalizada para os rios.
b)passa por cloração e destilação, sendo devolvida aos consumidores em condições adequadas para ser ingerida.
c)é fervida e clorada em reservatórios, onde fica armazenada por algum tempo antes de retornar aos consumidores.
d)passa por decantação, filtração, cloração e, em alguns casos, por fluoretação, retornando aos consumidores.
e)não pode ser tratada devido à presença do sabão, por isso é canalizada e despejada em rios.
 
 
48. Também com relação ao trecho I, supondo a existência de um chuveiro elétrico, pode-se afirmar que:
a) a energia usada para aquecer o chuveiro é de origem química, transformando-se em energia elétrica.
b) a energia elétrica é transformada no chuveiro em energia mecânica e, posteriormente, em energia térmica.
c)  o aquecimento da água deve-se à resistência do chuveiro, onde a energia elétrica é transformada em energia térmica.
d) a energia térmica consumida nesse banho é posteriormente transformada em energia elétrica. 
e) como a geração da energia perturba o ambiente, pode-se concluir que sua fonte é algum derivado do petróleo.

 

 
49. Com referência ao trecho II, pode-se afirmar que:
a) um automóvel produz monóxido de carbono pelo fato de que a queima dos combustíveis utilizados não é completa.  
b) pode-se concluir que o automóvel em questão não utiliza o álcool como combustível. 
c) a produção de óxido de nitrogênio contribui para a chuva ácida. 
d) o texto está equivocado, pois os óxidos de nitrogênio lançados na atmosfera não têm qualquer relação com o automóvel. 
e) caso o automóvel fosse elétrico, não poluiria o ambiente com monóxido de carbono, mas lançaria ao ar radiações eletromagnéticas prejudiciais à saúde.
 
 
50. Uma pesquisa de opinião foi realizada para avaliar os níveis de audiência de alguns canais de televisão, entre 20h e 21h, durante uma determinada noite.
Os resultados obtidos estão representados no gráfico de barras abaixo:
O número de residências atingidas nessa pesquisa foi aproximadamente de:
a) 100 
b) 135
c) 150
d) 200 
e) 220
 
 
51. A percentagem de entrevistados que declararam estar assistindo à TvB é aproximadamente igual a:
a) 15% 
b) 20%
c) 22%
d) 27%
e) 30%
 
 
52. Um dos problemas ambientais decorrentes da industrialização é a poluição atmosférica. Chaminés altas lançam ao ar, entre outros materiais, o dióxido de enxofre ( SO2 ) que pode ser transportado por muitos quilômetros em poucos dias. Dessa forma, podem ocorrer precipitações ácidas em regiões distantes, causando vários danos ao meio ambiente (chuva ácida).
Um dos danos ao meio ambiente diz respeito à corrosão de certos materiais. Considere as seguintes obras:
I. monumento Itamarati - Brasília (mármore).
II. esculturas do Aleijadinho - MG (pedra sabão, contém carbonato de cálcio).
III. grades de ferro ou alumínio de edifícios.
A ação da chuva ácida pode acontecer em:
a) I, apenas. 
b) I e II, apenas. 
c) I e III, apenas. 
d) II e III, apenas. 
e) I, II e III.
 
 
53. Com relação aos efeitos sobre o ecossistema, pode-se afirmar que:
I. as chuvas ácidas poderiam causar a diminuição do pH da água de um lago, o que acarretaria a morte de algumas espécies, rompendo a cadeia alimentar.
II. as chuvas ácidas poderiam provocar acidificação do solo, o que prejudicaria o crescimento de certos vegetais.
III. as chuvas ácidas causam danos se apresentarem valor de pH maior que o da água destilada.
Dessas afirmativas está(ão) correta(s):
a) I, apenas.   
b) III, apenas.  
c) I e II, apenas. 
d) II e III, apenas. 
e) I e III.
 
 
54. As figuras abaixo representam a variação anual de temperatura e a quantidade de chuvas mensais em dado lugar, sendo chamados de climogramas. Neste tipo de gráfico, as temperaturas são representadas pelas linhas, e as chuvas pelas colunas.
Leia e analise.
A distribuição das chuvas no decorrer do ano, conforme mostrado nos gráficos, é um parâmetro importante na caracterização de um clima.
A esse respeito podemos dizer que a afirmativa:
a) está errada, pois o que importa é o total pluviométrico anual.  
b) está certa, pois, juntamente com o total pluviométrico anual, são importantes variáveis na definição das condições de umidade. 
c) está errada, pois a distribuição das chuvas não tem nenhuma relação com a temperatura. 
d) está certa, pois é o que vai definir as estações climáticas. 
e) está certa, pois este é o parâmetro que define o clima de uma dada área.
 
 
55. Em uma disputa por terras, em Mato Grosso do Sul, dois depoimentos são colhidos: o do proprietário de uma fazenda e o de um integrante do Movimento dos Trabalhadores Rurais sem Terras:
 
Depoimento 1
"A minha propriedade foi conseguida com muito sacrifício pelos meus antepassados. Não admito invasão. Essa gente não sabe de nada. Estão sendo manipulados pelos comunistas. Minha resposta será à bala. Esse povo tem que saber que a Constituição do Brasil garante a propriedade privada. Além disso, se esse governo quiser as minhas terras para a Reforma Agrária terá que pagar, em dinheiro, o valor que eu quero." proprietário de uma fazenda no Mato Grosso do Sul.
 
Depoimento 2
"Sempre lutei muito. Minha família veio para a cidade porque fui despedido quando as máquinas chegaram lá na Usina. Seu moço, acontece que eu sou um homem da terra. Olho pro céu, sei quando é tempo de plantar e de colher. Na cidade não fico mais. Eu quero um pedaço de terra, custe o que custar. Hoje eu sei que não estou sozinho. Aprendi que a terra tem um valor social. Ela é feita para produzir alimento. O que o homem come vem da terra. O que é duro é ver que aqueles que possuem muita terra e não dependem dela para sobreviver, pouco se preocupam em produzir nela."- integrante do Movimento dos Trabalhadores Rurais Sem Terra (MST), de Corumbá - MS.
 
A partir da leitura do depoimento 1, os argumentos utilizados para defender a posição do proprietário de terras são:
I. A Constituição do país garante o direito à propriedade privada, portanto, invadir terras é crime.
II. O MST é um movimento político controlado por partidos políticos.
III. As terras são o fruto do árduo trabalho das famílias que as possuem.
IV. Este é um problema político e depende unicamente da decisão da justiça.
Estão corretas as proposições:
a)  I, apenas.  
b) I e IV, apenas. 
c) II e IV, apenas.  
d) I , II e III, apenas. 
e) I, III e IV, apenas. 
 
 
56. A partir da leitura do depoimento 2, quais os argumentos utilizados para defender a posição de um trabalhador rural sem terra?
I. A distribuição mais justa da terra no país está sendo resolvida, apesar de que muitos ainda não têm acesso a ela.
II. A terra é para quem trabalha nela e não para quem a acumula como bem material.
III. É necessário que se suprima o valor social da terra.
IV. A mecanização do campo acarreta a dispensa de mão-de-obra rural.
Estão corretas as proposições:
a) I, apenas.  
b) II, apenas.  
c) II e IV, apenas. 
d) I, II e III, apenas. 
e) III, I, IV, apenas. 

 
57. No início deste século, com a finalidade de possibilitar o crescimento da população de veados no planalto de Kaibab, no Arizona (EUA), moveu-se uma caçada impiedosa aos seus predadores - pumas, coiotes e lobos. No gráfico abaixo, a linha cheia indica o crescimento real da população de veados, no período de 1905 a 1940; a linha pontilhada indica a expectativa quanto ao crescimento da população de veados, nesse mesmo período, caso o homem não tivesse interferido em Kaibab.
Para explicar o fenômeno que ocorreu com a população de veados após a interferência do homem, o mesmo estudante elaborou as seguintes hipóteses e/ou conclusões:
I. lobos, pumas e coiotes não eram, certamente, os únicos e mais vorazes predadores dos veados; quando estes predadores, até então desapercebidos, foram favorecidos pela eliminação de seus competidores, aumentaram numericamente e quase dizimaram a população de veados.
II. a falta de alimentos representou para os veados um mal menor que a predação.
III. ainda que a atuação dos predadores pudesse representar a morte para muitos veados, a predação demonstrou-se um fator positivo para o equilíbrio dinâmico e sobrevivência da população como um todo.
IV. a morte dos predadores acabou por permitir um crescimento exagerado da população de veados, isto levou à degradação excessiva das pastagens, tanto pelo consumo excessivo como pelo seu pisoteamento.
O estudante, desta vez, acertou se indicou as alternativas:
a) I, II, III e IV.  
b) I, II e III, apenas. 
c) I, II e IV, apenas. 
d) II e III, apenas. 
e) III e IV, apenas.
 
 
58. Você está estudando o abolicionismo no Brasil e ficou perplexo ao ler o seguinte documento:
Texto 1

Discurso do deputado baiano Jerônimo Sodré Pereira - Brasil 1879
 
No dia 5 de março de 1879, o deputado baiano Jerônimo Sodré Pereira, discursando na Câmara, afirmou que era preciso que o poder público olhasse para a condição de um milhão de brasileiros, que jazem ainda no cativeiro. Nessa altura do discurso foi aparteado por um deputado que disse: "BRASILEIROS, NÃO".
 
Em seguida, você tomou conhecimento da existência do Projeto Axé (Bahia), nos seguintes termos:
Texto 2

Projeto Axé, Lição de cidadania - 1998 - Brasil

Na língua africana Iorubá, axé significa força mágica. Em Salvador, Bahia, o Projeto Axé conseguiu fazer, em apenas três anos, o que sucessivos governos não foram capazes: a um custo dez vezes inferior ao de projetos governamentais, ajuda meninos e meninas de rua a construírem projetos de vida, transformando-os de pivetes em cidadãos. A receita do Axé é simples: competência pedagógica, administração eficiente, respeito pelo menino, incentivo, formação e bons salários para os educadores. Criado em 1991 pelo advogado e pedagogo italiano Cesare de Florio La Rocca, o Axé atende hoje a mais de duas mil crianças e adolescentes. A cultura afro, forte presença na Bahia, dá o tom do Projeto Erê (entidade criança do candomblé), a parte cultural do Axé. Os meninos participam da banda mirim do Olodum, do Ilé Ayê e de outros blocos, jogam capoeira e têm um grupo de teatro. Todas as atividades são remuneradas. Além da bolsa semanal, as crianças têm alimentação, uniforme e vale-transporte.

Com a leitura dos dois textos, você descobriu que a cidadania:
a) jamais foi negada aos cativos e seus descendentes.
b) foi obtida pelos ex-escravos tâo logo a abolição fora decretada.
c) não era incompatível com a escravidão. 
d) ainda hoje continua incompleta para milhões de brasileiros.
e) consiste no direito de eleger deputados.
 
 
59. Em uma prova de 100 m rasos, o desempenho típico de um corredor padrão é representado pelo gráfico a seguir:
Baseado no gráfico, em que intervalo de tempo a velocidade do corredor é aproximadamente constante?
a)  Entre 0 e 1 segundo.
b)  Entre 1 e 5 segundos.
c)  Entre 5 e 8 segundos.
d)  Entre 8 e 11 segundos.
e)  Entre 12 e 15 segundos.
 
 
60. Em que intervalo de tempo o corredor apresenta aceleração máxima?
a) Entre 0 e 1 segundo. 
b) Entre 1 e 5 segundos.
c) Entre 5 e 8 segundos.
d) Entre 8 e 11 segundos.
e) Entre 9 e 15 segundos.
 
 
61.  A América Latina dos últimos anos insere-se num processo de democratização, oferecendo algumas oportunidades de crescimento econômico-social num contexto de liberdade e dependência econômica internacional. Cuba continua caracterizada por uma organização própria com restrições à liberdade econômica e política, crescimento em alguns aspectos sociais e um embargo econômico americano datado de 1962. Em 1998, o Papa João Paulo II visitou Cuba e depois disse ao cardeal Jaime Ortega, arcebispo de Havana, e a 13 bispos em visita ao Vaticano que apreciou as mudanças realizadas em Cuba após sua visita à ilha e espera que sejam criados novos espaços legais e sociais, para que a sociedade civil de Cuba possa crescer em autonomia e participação. A resposta internacional ao intercâmbio com Cuba foi boa, mas as autoridades locais mostraram pouco entusiasmo, não estando dispostas a abandonar o sistema socialista monopartidário.A maioria dos países latino-americanos tem se envolvido, nos últimos anos, em processos de formação socioeconômicos caracterizados por:
a) um processo de democratização à semelhança de Cuba. 
b) restrições legais generalizadas à ação da Igreja no continente. 
c) um processo de desenvolvimento econômico com restrições generalizadas à liberdade política. 
d) excelentes níveis de crescimento econômico. 
e) democratização e oferecimento de algumas oportunidades de crescimento econômico.
 
 
62. A tabela a seguir registra a pressão atmosférica em diferentes altitudes, e o gráfico relaciona a pressão de vapor da água em função da temperatura
Altitude (km)
0
1
2
4
6
8
10
Pressão atmosférica (mm Hg)
760
600
480
300
170
120
100
Um líquido, num frasco aberto, entra em ebulição a partir do momento em que a sua pressão de vapor se iguala à pressão atmosférica. Assinale a opção correta, considerando a tabela, o gráfico e os dados apresentados, sobre as seguintes cidades:

Natal (RN)
Campos do Jordão (SP)
Pico da Neblina (RR)

nível do mar.
altitude 1628m.
altitude 3014 m.

A temperatura de ebulição será:
a) maior em Campos do Jordão. 
b) menor em Natal. 
c) menor no Pico da Neblina.
d) igual em Campos do Jordão e Natal.
e) não dependerá da altitude.
 
 
63. O pH informa a acidez ou a basicidade de uma solução. A escala abaixo apresenta a natureza e o pH de algumas soluções e da água pura, a 25ºC.
Uma solução desconhecida estava sendo testada no laboratório por um grupo de alunos. Esses alunos decidiram que deveriam medir o pH dessa solução como um dos parâmetros escolhidos na identificação da solução. Os resultados obtidos estão na tabela abaixo.
A l u n o V a l o r   d e   p H A l u n o V a l o r   d e   p H
Carlos 4.5 Wagner 5.0
Gustavo 5.5 Renata 5.0
Simone 5.0 Rodrigo 5.5
Valéria 6.0 Augusta 5.0
Paulo 4.5 Eliane 5.5
Da solução testada pelos alunos, o professor retirou 100ml e adicionou água até completar 200ml de solução diluída.O próximo grupo de alunos a medir o pH deverá encontrar para o mesmo:
a) valores inferiores a 7,0.
b) os mesmos valores.
c) valores entre 5 e 7.
d) valores entre 5 e 3.
e) sempre o valor 7. 
 
 

RESULTADOS

Sua nota será:
Você acertou as questões:
Você errou as questões:

VERIFICAR GABARITO